Aeroporto de Beja ou do Alentejo?

Se o mundo não é a Preto e Branco, poderemos nós assumir a defesa do futuro do Aeroporto de Beja, baseada numa lógica redutora, onde afirmamos o futuro Aeroporto do Montijo como principal inimigo? Ou estabelecer como principal argumento que a má opção política ou estratégica e os custos que esta infraestrutura no Montijo representa poderão colocar em causa o desenvolvimento do Aeroporto de Beja ou do Cluster Aeronáutico do Alentejo?

Eu acredito que não[ Ler mais ]

Montijo, um Aeroporto em risco de ficar submerso

A fase de discussão pública do Programa Nacional da Política de Ordenamento do Território (PNPOT), terminará dentro de 10 dias.

Quer isto dizer que restam 10 dias para que os cidadãos participem ativamente com propostas e argumentos válidos, de forma a demonstrar que a escolha de localização para o novo Aeroporto de Lisboa parte de um princípio político e não de uma Estratégia Nacional.

Em boa verdade estamos a assistir à subordinação do Planeamento Nacional face a opções totalmente [ Ler mais ]

Parque Fluvial dos Cinco Reis

…mais um Projeto ou um Projeto Estruturante?

Video divulgado pelo Município de Beja de apresentação do Projeto.

Antes de começar importa salientar que não sou contra a criação de um Parque Fluvial ou Praia Fluvial. As questões que pretendo levantar, constituem uma forma de ver e olhar o território, baseada no Planeamento e em Estratégia Territorial.

A Albufeira dos Cinco Reis, situa-se a cerca de 6 Km de Beringel, 5 Km de Beja e a 3 Km do Penedo Gordo. … [ Ler mais ]

Falemos sobre o dia de ontem.

Vamos falar desta fotografia. Da energia e alegria que desta emana. Que apesar de todas as agruras da vida, um povo esquecido, se uniu para fazer uma Manifestação onde se sorriu ao invés de se assobiar, onde se cantou ao invés de insultar Governos, onde escolhemos partilhar emoções com quem nos tem ofendido e esquecido.

Vamos falar disso. Isso sim importa ressalvar.

Fomos enormes em Lisboa. Digo orgulhosamente fomos, porque também eu estive lá. Não estou magoado com quem preferiu … [ Ler mais ]

Onde andam as Câmaras Municipais?

É já no próximo dia 10 de Maio – 5ª feira da Ascensão, a “Excursão” a Lisboa, organizada pelo Movimento Beja Merece +.

Uma “Excursão” de protesto contra a indiferença a que o Alentejo Litoral e fundamentalmente o Baixo Alentejo, têm sido votados pelos sucessivos Governos, pois a verdade é que independentemente da cor ou conjunto de cores, que vão ocupando o Palácio de São Bento, o nosso destino tem sido praticamente o mesmo.

E apesar de … [ Ler mais ]

Diversidade cultural e o SMSF (actualizado!)

Durante as últimas semanas, tanto através das redes sociais como através da comunicação social em Beja, assistiu-se a uma pressão crescente por parte da Associação Culturmais, que sob diversas formas sugeriu que o maior evento que realiza anualmente – o Santa Maria Sumer Fest (SMSF), estaria comprometido caso não chegassem a acordo com a Autarquia, visto que este apoio é visto como essencial à organização do referido festival.

Entretanto, ontem, através da Comunicação Social como também através das redes Sociais, … [ Ler mais ]

O fim da linha…

ou a última oportunidade para o Alentejo e todo o interior?

Durante as últimas semana vieram a público diversas notícias a reportar o que muitos Bejenses temiam. A deterioração das condições no transporte de passageiros no troço Casa Branca – Beja devido ao uso de material circulante com mais de 50 anos, parece ter justificado a opção da CP na supressão de horários que passaram a ser assegurados por autocarros fretados a uma outra empresa de transportes, sem aviso … [ Ler mais ]

Antiga Fábrica de Moagem

Nas Caldas da Rainha, a opção foi transformar os Silos de uma Fabrica de Moagem numa “fábrica de criatividade”.

Silos – Contentor Criativo

“Silos: um contentor com 55 anos e sete andares criativos”

O projecto Silos – Contentor Criativo instalou-se na antiga fábrica de moagem Ceres, nas Caldas da Rainha, há seis anos. Objectivo: fixar cada vez mais jovens criativos no concelho

Na Africa do Sul, a transformação foi bem mais interessante e converteram uns antigos silos no maior Museu … [ Ler mais ]

Da defesa do Património e da responsabilidade política

O primeiro alerta foi dado a 17 de Julho no artigo do Público “Villa romana de Pisões é agora a luxuosa casa das ervas daninhas” com a assinatura do Jornalista Carlos Dias que relativamente aos trabalhos agrícolas diz:

“o que se observa revela a instalação de uma grande plantação de amendoeiras, cuja primeira fase, a preparação do terreno, implicou a lavra do solo numa profundidade que nalguns pontos expôs materiais que podem ser associados a estruturas arqueológicas. Esta actividade contraria

[ Ler mais ]